EABOX

PT e PSD firmam aliança em Minas Gerais por apoio de Lula a Alexandre Kalil

Por Espiaaqui em 19/05/2022 às 22:44:06

São Paulo – A aliança entre PT e PSD no estado de Minas Gerais foi definida no início da noite desta quinta-feira (19), com anúncio de que o PT vai apoiar a pré-candidatura de Alexandre Kalil (PSD), ex-prefeito de Belo Horizonte, ao governo mineiro. O acordo prevê que o PT indique o candidato a vice para compor a chapa com Kalil. “Tudo certo! Lula e Alexandre Kalil juntos em Minas Gerais”, escreveu o deputado federal Reginaldo Lopes, líder da bancada petista na Câmara dos Deputados.

Em seguida, Lopes foi respondido pelo próprio até então pré-candidato a vice do PSD, Agostinho Patrus, que compartilhou a postagem sobre o anúncio e confirmou que abriu mão de sua pretensão. “Ganham Minas e o Brasil”, respondeu Patrus.

O acordo foi ratificado pelo próprio Alexandre Kalil, também pelo Twitter. No post, o pré-candidato mostra até que a parceria já tem jingle de campanha.

Pesquisas mostram que, quando o nome de Kalil é associado a Lula, suas intenções de voto disparam para o governo de Minas Gerais. O ex-prefeito de Belo Horizonte já afirmou, inclusive, que votará no petista para a presidência “com ou sem aliança”.

O impasse para a formalização da aliança foi a candidatura mineira ao Senado. Os dois pretendentes à única vag Reginaldo Lopes e o senador Alexandre Silveira (PSD), que pretende concorrer à reeleição.

Até o fechamento desta matéria, ainda não havia confirmação da retirada da candidatura de Lopes, condição pedida pelo PSD. Ele deverá ser o indicado pelo PT para compor a chapa com Kalil como vice-governador. A vaga, porém, também pode é cogitada para o deputado André Quintão.

Fonte: redebrasilatual

Comunicar erro
UNIFLOR

Comentários

HBL